Blog duma gaja... bem... esquisita, estranha, tarada:) Enfim... queer!

11.23.2005

Vão ao cinema, porra!

Andam a encerrar boas salas de cinema em Portugal (Alcochete e Santarém). Paulo Branco desculpa-se, em Alcochete, com o suposto facto do outlet estar semi-aberto, o que é mentira. Simplesmente não há público, mesmo quando o outlet está cheio. E mesmo quando há produtores, como Paulo Branco, que diversificam a oferta.
Eu trabalho na margem sul. Sei que as famílias lá não vão nem uma vez por mês ao cinema. É caro. Não têm o hábito. Tenho mesmo alunos que me dizem que não gostam de cinema!!!!
Por aqueles lados é preciso um esforço de criação de públicos. Senão veja-se o badalado complexo de salas do Arrábida Shopping, em Gaia, sempre a bater recordes de bilheteira...

2 Comments:

Anonymous Anónimo said...

Vão ao cinema, porra! Também me apetece dizer!
Mas um comentário geral a todos os novos comentários de hoje: ainda bem que foi "espicaçada" por andar tão calada!
Gosto da ideia de gostares de flores e de o associares à tua mãe!
Gosto do entusiasmo com as coisas que vais vendo! Gosto do entusiasmo com o colóquio do Foulcault!
Gosto do tempo e da ideia da construção lenta das coisas!

16:58

 
Anonymous S.N. said...

Na minha opinião acho que este foi um hábito que se perdeu não só por ser caro mas também porque hoje em dia qualquer pessoa que tenha em casa um computador com ligação à internet pode obter os filmes que desejar.
Junta-se assim o útil ao agradável: não se paga e ainda se pode ver um filme acabadinho de estrear no conforto do sofá.
Só que infelizmente muito se perde no meio disto tudo.
Todo o convívio que está inerente a uma ida ao cinema é perdido, tal como o prazer que é assistir a um filme numa sala de cinema,que em nada se compara a assistir a um filme em casa.

21:22

 

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home