Blog duma gaja... bem... esquisita, estranha, tarada:) Enfim... queer!

4.29.2006

No cinema

Infiltrado de Spike Lee é tecnicamente irrepreensível mas não tem garra, e acima de tudo não tem raiva. Não é tão mau como She Hates Me mas ninguém diria que é um Spike Lee. Nenhuma personagem reflecte o efectivo sofrimento e discriminação de que é alvo o grupo social a que pertence - tanto negro bem sucedido e glamoroso é bom de ver mas invisibilizar o resto era algo que não se esperava (há uns anos) deste senhor.

1 Comments:

Anonymous Anónimo said...

acomodou-se...

11:39

 

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home