Blog duma gaja... bem... esquisita, estranha, tarada:) Enfim... queer!

8.06.2006

Delirantes terminologias

"No passado, designadores do clítoris incluíam, por exemplo, amoris dulcedo, "a doçura do amor", sedes libidinis, "sede do amor", oestrus Veneris, "mosca varejeira de Vénus", Wollustorgan, "o orgão do êxtase", e gaude mihi, "grande alegria". Houve também fúria e raiva do amor, orelha entre as pernas, baga de murta, este porque o murta era consagrado a Afrodite e Vénus, as deusas do amor na mitologia grega e romana, respectivamente. Nos tempos modernos, é a terminologia francesa relativa ao clítoris que transmite a doçura e o prazer dessa parte com diminuitivos como bonbon, praline, framboise (framboesa), grain de café e berlingot (pastilha de menta). O meu doce francês clitoriano favorito é a praline en délire, que se traduz como "amêndoa açucarada em delírio" e indica um clítoris profundamente excitado, pronto a explodir num orgasmo."
A história da vagina
(também interessantes as terminologias para vagina, pêlos púbicos, cona e útero - teria de transcrever algumas páginas inteirinhas:)

1 Comments:

Blogger Grace said...

Este comentário foi removido por um administrador do blogue.

15:02

 

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home