Blog duma gaja... bem... esquisita, estranha, tarada:) Enfim... queer!

3.27.2006

Com o Sol encorporado

Inscrições/encorporações há muitas. Este fds deixou-me marcas de sol nos braços (ah! ganda Alentejo!) e no coração:)

2 Comments:

Anonymous sal & pimenta said...

Primeiro sábado de primavera, Serra de Monfurado.
Encostas relvadas de verde intenso pontilhado de malmequeres minúsculos, flores de tremoceiro, azedas. Grandes sobreiros terrosos, intemporais, assistem mudos à passagem do nosso rebanho nas veredas de pé posto.
A água murmurando nas cascalheiras precipita-se no riacho em cascatas mínimas, arbustos ribeirinhos vergam na corrente que ladeia penhascos cinzentos musgosos, semeados pelos deuses antigos que habitavam, antes dos primeiros caçadores, no mais profundo da gruta do Escoural.
Passarada palrando por todo o lado, nos cercados ovelhas retouçando, ou vacas tímidas suspendendo o olhar nos caminheiros, hesitando e disparando depois para longe da vedação, tinindo badalos. E os cães agrilhoados, furiosos, a rebentar de revolta, guardas aprisionados em casais vazios, montes de lenha de sobro e cortiça, ameaçando à distância.
Sol carinhoso, a brisa amena rescendendo aos matos floridos, Só uma ligeira neblina torva a limpidez do céu.
Os pequenos malmequeres oferecem-se à mutilação no altar divinatório, “Mal-me-quer, bem-me-quer, muito, pouco ou nada?” e o coração dispara e o gesto não se atreve.

11:28

 
Blogger C_mim said...

Eu quero ir para o alentejo.
Para lá...
Bem para lá do além Tejo...

23:02

 

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home