Blog duma gaja... bem... esquisita, estranha, tarada:) Enfim... queer!

9.06.2007

Por casa

Supervoksen é um filme juvenil sobre ritos de passagem com a sua quota parte lésbica. Vê-se bem.
Love my Life é um forte candidato a melhor filme lésbico do ano - a-bso-lu-ta-men-te delicioso.
"Sígueme", de Olga Marti é um romance lésbico despretencioso mas interessante, na forma como consegue retratar a loucura da vida de jovens lésbicas urbanas espanholas não deixando também de tocar em aspectos mais desconfortáveis como a solidão e a quebra de expectativas. Erotismo q.b. também, como se gosta.
"The doctor", de Patricia Duncker, a história romanceada de um médico trans do século XIX, é um portento de investigação sobre a vida médica e colonial inglesa da época mas desaponta um pouco enquanto retrato interior duma passagem de género. De facto, praticamente toda a narrativa decorre como se tal não constituísse qualquer problema ou contradição para a personagem; em boa verdade é de tal forma retratada a forma como a masculinidade se impõe como uma forma de poder subtil que a feminilidade da personagem se torna impensável, aparentemente até para ela própria. Mas, a ser assim, também não se percebe o desenlace/arrependimento final... Enfim, não me parece que Duncker tenha tido unhas para este lado da coisa... Mas o livro merece leitura por tudo o resto.

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home