Blog duma gaja... bem... esquisita, estranha, tarada:) Enfim... queer!

2.15.2006

A solidão rural

Nem de propósito após a minha conversa com a Grace há alguns posts é agora começado a divulgar o estudo da Não Te Prives (que fez anos, parabéns!) e do Portugal Gay sobre homossexualidade em meios rurais, apontando, segundo dizem, para forte solidão.
É claro que, quer no meu caso quer no da Grace, há sempre o contraponto das pequenas e grandes cidades, no caso a Feira, Espinho e o Porto - mas não é a mesma coisa que viver lá...
E a suburbanidade rural também nada tem a ver com a suburbanidade citadina....

12 Comments:

Blogger Grace said...

Este comentário foi removido por um administrador do blogue.

22:49

 
Blogger Anabela Rocha said...

:) Grace: então e os amigos, não saõ umas velinhas nesse buraco?:)
Lembro-me de como foi bom passar a ter amigos com carro e que lá me vinham buscar para um cafézito.
Eu não tinha vizinhos nem cafés (frequentáveis) perto. Tu tens? Sempre é alguma coisa. Enfim, eu sei que há noites muito complicadas...Mas estamos aqui, né?:)

08:26

 
Blogger Grace said...

Este comentário foi removido por um administrador do blogue.

15:02

 
Blogger Grace said...

Este comentário foi removido por um administrador do blogue.

15:20

 
Blogger Anabela Rocha said...

I get the picture Grace:(
Conselho: fazeres o teu próprio local de encontro, os teus amigos a toda a hora... aqui, na net. Demora um pouco mas eles aparecem:)
Não disseste que tens interesses numa área muito específica - arquitectura sustentável? Pois dedica-te a uma intervenção queer, pós-colonialista, nela - cria um espaço em português para ela na net. Por aí encontrarás os teus mais seguros amigos.
Um abraço

19:00

 
Blogger C_mim said...

Andava por aqui a ler os vossos comentários e a saber que temos o país que temos... Quanto mais lia mais me lembrava desta letra dos Trovante:

Por mais que larguem os braços
Por mais que soltem amarras
E que se tapem as covas

Por mais que rasguem os quadros
Por mais que queimem as leis
E que os costumes esmoreçam

Por mais que arrasem as feras
E que os papões arrefeçam
E que as bruxas se convertam

Por mais que riam as caras
E que ternura se esqueça
Por mais que o amor prevaleça
Vocês
Fizeram os dias assim!

Não nos venham pedir contas
Não venham pôr-nos regras
Sabemos que os nossos dias
Não vão ser gastos assim!

Ah porra de país que insiste em ser infeliz, a viver a saudade do que já passou e não existe.

Grace, por vezes as cidades também são muito solitárias. Nestes meses que tenho passado a ver blog venho a descobrir que muitos daqueles que aqui dão a palavra ao coração, à sensibilidade, à amizade, noutra realidade têm "perfis" bem diferentes...

19:47

 
Blogger Grace said...

Este comentário foi removido por um administrador do blogue.

20:45

 
Blogger Grace said...

Este comentário foi removido por um administrador do blogue.

23:29

 
Blogger Anabela Rocha said...

C_mim: o perigo cibernético de viver uma vida alheada do real social e corporal é duplo ou triplo para os lgbtis, porque para eles pode significar a fuga de muito mais do que significa para um hetero... Tem isso de bom e de arriscado, quando a vida "lá fora" em nada acompanha a vida "aqui"
Grace: Ora aí está, muito bem, muito bem!:)

08:24

 
Blogger C_mim said...

Hum... Acho que fui mal intepretada...

Quando me referi a outros perfis, estou a generalizar.

O sistema social hoje obriga a muitos tenham mais do que 1 perfil.

E, por vezes, nada tem a haver com os seus afectos. Por vezes estar rodeado daqueles que conhecemos não significa que não se esteja, de facto, sozinho, muito só.

A única verdade em que eu acredito é que devemos ser felizes independentemente das opções que fazemos na vida. E todas as opções são válidas desde que haja respeito.

E lamento muito que a (i)moral social vigente, barroca e balofa domine e se sobreponha ao que é verdadeiramente real e importante.

Por vezes tento focar de uma forma ligeira esses temas no blog, porque eles têm dominado a minha vida no último ano e tem sido uma grande experiência de vida.

inté, fiquem bem.

13:58

 
Blogger Grace said...

Este comentário foi removido por um administrador do blogue.

21:31

 
Blogger Anabela Rocha said...

E bibam os gatos carago!:)
O meu também é uma doçurinha:)))

15:27

 

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home